Por que a posição alienação coital deixa as mulheres loucas?

Bárbara Peres    junho 1, 2015    Comentários desativados em Por que a posição alienação coital deixa as mulheres loucas?

Há um grande debate sobre qual postura fornece mais prazer à mulher e, a maioria dos especialistas inclinam-se a uma: o missionário, mais conhecido como “papai e mamãe”.

Por que elas ficam mais excitadas com essa posição?

A maioria das mulheres têm dificuldades em chegar ao orgasmo, porque seu companheiro goza rápido demais, pelo desgaste da relação, por não ter mais a energia dos adolescentes, etc. Geralmente, a mulher necessita durante o ato sexual incentivos em formas de carícias, beijos e fricção no clitóris.

289724_pUK9xIoLyt_grande

Na alienação coital, a pélvis masculina fricciona a feminina; em movimentos circulares. No lugar de entrar e sair como um socador de alho é um moinho no clitóris da mulher.

Em que consiste a postura?

É uma variante do famoso “papai e mamãe”: o homem em cima da mulher, porém um pouco mais acima. O peitoral na altura dos ombros da mulher. Suas pernas rodeiam os músculos, porém que não fique no ângulo de 45 º, porque a pélvis ficará imobilizada e não sentirá o movimento.

Assim, o pênis entra verticalmente e com a pressão pubiana estimulará o clitóris e a uretra.

O movimento da mulher deve ser para cima, enquanto a pelvis masculina movimenta-se para trás e faz movimentos para baixo. Criando uma sensação de vibração elétrica , porque os órgãos genitais estarão realizando uma pressão mútua em todo o momento. Com o “papai e mamãe”, o pênis entra e sai da vagina e, em muitas ocasiões, faz contato com o clitóris.

????????????????????????????????????????????????????????

Nesta postura, o movimento deve ser lento e suave de forma harmoniosa; isto é fundamental para os que fazem sexo sem proteção, pois exige realizar movimentos rápidos e, sem a proteção da camisinha, podem chegar ao orgasmo rapidamente. Deixará sua companheira a ver navios.

Com esta postura e uma perfeita sincronização o orgasmo vem espontâneamente, quase sem esforço. Que tal praticar essa posição nessa semana?