Ameaças, chantagens e riscos. Como reagir em casos de sextorsão?

Com a contínua evolução cibernética é cada vez mais comum saber de casos de sextorsão. O termo consiste na união da palavra sexo com a palavra extorsão, e se caracteriza como uma chantagem online.

A origem do termo sextorsão foi nos Estados Unidos, em 2010, ao ser usado oficialmente pelo FBI (Federal Bureau Investigation). Foi em um caso que ficou famoso e no qual um hacker chantageou mulheres, ameaçando expor sua intimidade, caso não atendessem suas exigências. Consistiam no envio de novas fotos nuas.

Casos de sextorsão com acompanhantes

Será que isso é comum na vida das acompanhantes profissionais, que trabalham de forma independente? A resposta é que sim, mais do que imaginamos.

Embora suas fotos e vídeos estejam exposta de forma pública na web, muitas convivem com

Alguns casos ocorrem principalmente por alguns familiares, que sabendo da sua vida secreta, chegam ao ponto de fingir ser um cliente interessado, gravando áudios ou vídeos e começam a chantagear, constrangendo em troca da manutenção do sigilo e ameaçando continuamente.

Casos de sextorsão

Como proceder em casos de sextorsão?

Contem com as (DRCC) Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos  estão para amparar nestes casos de crimes contra a honra ou liberdade individual. Antes de procurar a da sua cidade, é recomendável:

  1. Não ceder às chantagens. É complicado, claro. Um segredo que pode abalar toda a família, se chega desta forma, mais ainda. É importante não aceitar as solicitações do chantagista, porque com isso, ele se torna mais forte para continuar.
  2. Guardar todas as provas. Faça capturas das ameaças, com a imagem da tela do computador, contendo data e a hora.
  3. Analise se o agressor pode realizar suas ameaças. Muitas delas são blefes, não são verdadeiras. Seja por não ter os contatos ou simplesmente pelo ato covarde em si, ou seja, fala mas não o fará.
  4. Deixe claro ao agressor que ele está cometendo um crime. Deve saber que a lei pode persegui-lo e que você não se intimida em buscar ajuda da polícia.
  5. Faça uma denúncia. A sextorsão é um crime e a lei persegue duramente tais crimes. O fato de você ser acompanhante profissional de forma independente não deve ser motivo de não estar protegida igualmente.

O Skokka é um site de classificados eróticos onde os anunciantes publicam seus anúncios de forma independente.

Dedicamos este post do especial #DiarioDeUmaEscort às acompanhantes que se anunciam conosco. É muito importante que se sintam protegidas em situações desagradáveis como a sextorsão.

2 thoughts on “Ameaças, chantagens e riscos. Como reagir em casos de sextorsão?

  1. Bruxo

    Bom dia Anita!
    Hoje toca um tema complicado e moi sério. Resumindo e para não ser moi pesado e alongar-me moito, contra/frente a essa gente (gentuza indesejada) não hai que ter nada de simpatia ou margem. Hai que denunciar é que a lei caia sobre eles sem contemplações, porque é algo moi grave/sério.
    Sempre hai que apoiar as pessoas que sofrem ese problema.
    Que a jornada seja boa, eu descansarei depois de casi 40 kms de ??.
    Beijinhos.
    ???

    1. Anita Post author

      Bom dia ciclista!
      Realmente é assunto sério e todos devem sentir-se fortes em denunciar no primeiro momento!
      São tantos casos que por isso, muitas delegacias se especializaram nestes crimes.
      Bom descanso!
      Moitos beijinhos

Comments are closed.