Valentine’s Day x Dia dos Namorados: O Brasil contra a maré amorosa.

Anita    fevereiro 14, 2019    Comentários desativados em Valentine’s Day x Dia dos Namorados: O Brasil contra a maré amorosa.

Sabemos que no mundo todo o Dia dos Namorados é celebrado no dia 14 de fevereiro, como Valentine’s Day, o Dia de São Valentim.

Nem todos sabemos o porquê de não fazer parte do dia mais romântico do mundo, tendo como data romântica o dia 12 de junho.

Antes de mais nada , se você está curioso, prepare-se para se surpreender… O motivo é mais comercial do que emocional. Corta o clima, total.

Origem do Valentine’s Day

O Valentine’s Day começou a ser comemorado no século 5 – sendo
declarado como dia oficial em 14 de fevereiro de 496, em homenagem a um mártir, São Valentim.

Da mesma forma, A história mais conhecida é que São Valentim foi um padre de Roma condenado à pena de morte no século 3.

O imperador Claudio II – o gótico, proibiu os casamentos por pensar que homens casados eram péssimos soldados e os solteiros, renderiam melhor no Exército.

É aí que entra o famoso Valentim, defendendo que o casamento era parte do plano de Deus e dava sentido ao mundo.

Depois disso ele passou a quebrar a lei e organizar cerimônias secretas.

Quando Claudius desvendou, ele foi preso e sentenciado à morte no ano 270.

Porém, durante o tempo que ficou preso, o agora santo se apaixonou pela filha de um carcereiro, uma jovem cega que milagrosamente recuperou a visão.

Assim no dia do cumprimento da sentença ele enviou uma carta de amor à amada assinando: “do seu Valentim”.

Isso originou a prática moderna de enviar cartões no 14 de fevereiro.

Somente dois séculos depois, a data passou a ser efetivamente comemorada.

O papa Gelásio, de número 162, instituiu o Dia de São Valentim, caracterizando-o como símbolo dos namorados.

A celebração foi dada como uma resposta a uma tradição antiga que se originou no festival romano Lupercalia, com 3 dias de duração.

Assim tal evento, realizado a meados de fevereiro, celebrava a fertilidade.
Afinal a meta era marcar o começo da primavera.

Típico no Valentine’s Day

Sabia que um dos costumes durante as celebrações, era que os jovens sorteavam nomes de garotas que seriam suas namoradas?

No decorrer da festa, poderiam até casar.

Logo, a igreja erradicou as celebrações pagãs e transformou o evento em uma festa cristã, em homenagem a São Valentim.

Por esse motivo, agora muitos países latinos têm a tradição católica de festejar o dia 14 de fevereiro.

Cartas, flores, bombons… presentinhos especiais que tanto podem celebrar o amor, como também a amizade.

valentines day 2

Dia dos Namorados no Brasil

Atualmente, mesmo com toda a influência americana, que vive intensamente o Valentine’s Day, no Brasil é diferente.

Desde 1948, igualmente celebramos a data romântica no dia 12 de junho, coincidindo com a véspera do Dia de Santo Antônio, o santo casamenteiro.

Porém, o motivo não tem nada a ver com a igreja, sendo unicamente comercial.

A comemoração de “Dia dos Namorados” veio do publicitário João Doria, pai do atual governador de São Paulo. Oi?

Ora, sua missão era criar uma campanha para uma grande marca durante o mês de junho, considerado fraco para o comércio.

No fim, a campanha fez tanto sucesso que se estabeleceu no Brasil.

Alguns dos slogans do primeiro “Valentine’s Day” à brasileira dizia:

“Não se esqueçam: amor com amor se paga”


“Não é só com beijos que se prova o amor”

A Associação Paulista de Propaganda julgou como a melhor campanha do ano naquela época, efetivando a data em todo território nacional.

Atualmente, o “Valentine’s Day” brasileiro é a terceira melhor data do comércio brasileiro, depois do Natal e Dia das Mães.

Desculpa, mundo globalizado!

Parece que seguiremos restritos aos costumes brasileiros.

Feliz São Valentim!

Aproveite para conhecer namoradinhas aqui!

Ah, ainda não conhece esse perfil de acompanhantes? Falamos sobre elas em “Namoradinha de Aluguel: o novo modelo de acompanhantes”

O Skokka é o maior classificado erótico líder do setor. Anuncie grátis!

Estamos no Facebook e Twitter!